official-store-logo

Pague parcelado sem juros

Frete grátis

Saiba os prazos de entrega e as formas de envio.

Estoque disponível

Armazenado e enviado pelo
Full
Intrínseca

Loja oficial no Mercado Livre

+10mil Vendas

Devolução grátis

Você tem 30 dias a partir do recebimento do produto para devolvê-lo, não importa o motivo!

Meios de pagamento

Até 12x sem cartão de crédito

Mercado Crédito

Cartões de crédito

Hipercard
Elo
Visa
Mastercard

Cartões de débito

Santander Rio
Caixa

Pix

Pix

Boleto bancário

Boleto

Descrição

A ascensão do general Ernesto Geisel à Presidência da República, em 15 de março de 1974, tendo a seu lado o general Golbery do Couto e Silva no cargo de chefe do Gabinete Civil, marcou a volta ao poder dos dois militares que, dez anos antes , ajudaram a pavimentar o caminho que levou à implantação da ditadura no Brasil. Agora, eles voltavam para restabelecer o primado da Presidência da República sobre os militares.

Os dois generais já eram próximos desde antes do governo de Castello Branco (1964-1967), quando Geisel passou a chefiar o Gabinete Militar e Golbery fundou e dirigiu o temido Serviço Nacional de Informações (o SNI).

Geisel chamada a faixa presidencial de Emílio Garrastazu Médici, um general que entregara o poder a três ministros e conduzira-se como um árbitro. Era uma ditadura sem ditador. Geisel, pelo contrário, comandava minuciosamente o governo. Quando revogou o AI-5, em 1978, havia um ditador sem ditadura.

Quase metade de A ditadura derrotada é dedicada a biografia dos dois personagens principais da trama, que vinham da classe média gaúcha. Geisel era filho de um imigrante alemão pobre, e Golbery, neto de um prateiro de Rio Grande. Nas grandes divisões da primeira metade do século passado, Geisel simpatizava com Mussolini; Golbery, com a Revolução Russa.

A ditadura derrotada é um dos livros mais documentados da série de Elio Gaspari. O período narrado, com base em arquivos e gravações que permaneceram inéditas por décadas, vai dos meses anterior à posse de Geisel até o alvorecer de 1975. A Documentos reunida pelo autor, graças ao Diário de Heitor Ferreira e à meticulosidade de seu autor, ex -assistente de Golbery e secretário particular de Geisel, guarda preciosidades como sua reação ao ser informado de que seria o próximo presidente: "Como é que se chega ao meu nome? Ora, porque fulano é cretino, sicrano é burro, beltrano é safado! Isso é jeito? ".

A ditadura derrotada compõe com A ditadura encurralada , quarto livro da série, um conjunto denominado O Sacerdote e o Feiticeiro. Os dois primeiros livros, A ditadura envergonhada e A ditadura escancarada , formam o conjunto As ilusões armadas . O quinto livro da série ainda está sendo escrito.

Sobre o Autor:
Elio Gaspari é jornalista, foi auxiliar do colunista social Ibrahim Sued e passou por veículos de comunicação como o Diário de São Paulo, revista Veja e Jornal do Brasil.

Detalhes do Livro:
Páginas: 580
Gênero: Biografias e Histórias Reais
Formato: 23.4 x 15.6 x 3 cm
Peso: 786,0 gramas
Tipo de capa: Livro brochura
Data de Lançamento: 13/02/2014

Perguntas frequentes:

O livro é novo?
Sim, somos a loja oficial da Editora Intrínseca no Mercado Livre.

Tem pronta entrega?
Sim, todos os títulos anunciados estão disponíveis para o envio imediato. As compras realizadas até as 15 horas de dias úteis sairão do depósito logístico da Editora Intrínseca para o transportador no mesmo dia.

Caso o livro tenha algum defeito gráfico, é possível trocar?
Sim, somos a loja oficial da Editora Intrínseca no Mercado Livre e garantimos a troca do livro.

É possível trocar o livro?
Sim, você pode aproveitar a regra de devolução grátis do Mercado Livre! Você terá 30 dias a contar da data de recebimento do pedido para realizar a troca do livro que estiver em perfeito estado de conservação.

Acompanha nota fiscal?
Sim, todas as nossas vendas são enviadas com a nota fiscal, emitidas diretamente pela Editora.

Quem somos
Uma editora jovem, não só na idade — afinal foi fundada em dezembro de 2003 — mas no espírito inovador de optar pela publicação de ficção e não ficção priorizando a qualidade, e não a quantidade de lançamentos. Essa é a marca da Intrínseca, cujo catálogo reúne títulos cuidadosamente selecionados, dotados de uma vocação rara: conjugar valor literário e sucesso comercial.

Com uma apurada seleção de títulos, vários livros alcançam um expressivo número de leitores, figurando em listas de best-sellers por muitos meses, obtendo assim uma incomum unanimidade de elogios por parte do público, da crítica e do mercado. À bem cuidada curadoria editorial alia-se o apuro na produção gráfica, o que transforma as edições em objetos de culto a serviço da boa literatura.

Perguntas e respostas

Qual informação você precisa?

Não fizeram nenhuma pergunta ainda. Faça a primeira!