official-store-logo
Novo

Ficando Para Trás

43 reais con 20 centavos

em 12x de 10 reais con 34 centavos pagando com Mercado Crédito

Envio para todo o país

Saiba os prazos de entrega e as formas de envio.

Disponível 1 dia após sua compra

Comprar com Mercado Crédito

Compra em 12x de R$ 1034 selecionando Mercado Crédito como meio de pagamento.

Informações da loja

Rocco
Rocco

Loja oficial no Mercado Livre

Devolução grátis

Você tem 30 dias a partir do recebimento do produto para devolvê-lo, não importa o motivo!

Garantia

Compra Garantida com o Mercado Pago

Receba o produto que está esperando ou devolvemos o seu dinheiro

Garantia da loja

Garantia de fábrica: 3 meses

Meios de pagamento

Boleto parcelado em até 12x

Mercado Crédito

Cartões de crédito

Pague em até 6x!

Mastercard
Hipercard
Elo
Visa

Cartões de débito

Elo Debito
Visa Débito

Pix

Pix

Boleto bancário

Boleto

Características principais

Título do livroFicando para Trás
AutorFRANCIS FUKUYAMA
EditoraEDITORA ROCCO
FormatoPapel
MarcaEDITORA ROCCO

Outras características

  • Cobertura: Mole

  • Subgêneros: Economia

  • Tipo de narração: Manual

  • ISBN: 9788532525536

  • Páginas: 336

Descrição

Colonizaço exploratória, política autoritária, diferenças sociais gritantes, religio, influências externas. A conjugaço de tais aspectos – ou a total falta de integraço entre todos eles – poderia explicar as diferenças no desenvolvimento econômico da América Latina e dos Estados Unidos. Uma reflexo a respeito destes e de outros pontos, como a educaço e a cultura, é o fio condutor de Ficando para trás – Explicando a crescente distância entre América Latina e Estados Unidos, coletânea de artigos editada pelo historiador norte-americano Francis Fukuyama.

Os dez historiadores e cientistas políticos reunidos na coletânea discorrem sobre o contraste entre o desenvolvimento dos países latino-americanos e da maior potência mundial e buscam no passado histórico os motivos para trajetórias to diversas. No século XVIII, a renda per capita era similar no continente inteiro. Hoje, a renda per capita na América Latina corresponde a 20% do índice norte-americano e mais de um terço da populaço desses países vive na pobreza.

Voltando-se para acontecimentos mais recentes, os autores reunidos em Ficando para trás – Túlio Halperin Donghi, Enrique Krauze, Jorge L. Dominguez, Adam Przeworski, Carolina Curvale, Riordan Roett, James A. Robinson, Natalio R. Botana e Francisco E. Gonzáles, além de Fukuyama – analisam a disparidade social e política na América Latina, buscando suas semelhanças. Teses consagradas como as correntes institucional (que procura explicar o desenvolvimento pela força de regras e instituições, respeitadas nas colônias britânicas, onde os colonizadores se fixavam e no tinham interesse meramente explorador), a cultural (que privilegia a cultura anglo-sax e o calvinismo em detrimento da tradiço ibérica e do catolicismo) e a geográfica (o clima e o solo contribuem para o desenvolvimento) so questionadas por esses especialistas. Mesmo reconhecendo a fraqueza das instituições e a fragilidade dos sistemas educacionais que no capacitariam as populações para as exigências do mundo globalizado, eles observam as influências externas – entre elas a dos Estados Unidos – nos processos de crescimento latino-americanos.

O livro faz um mergulho profundo na história de muitos países latino-americanos, notadamente Argentina e México, e destaca políticas de sucesso que em determinadas épocas reduziram o abismo socioeconômico com os Estados Unidos. Ficando para trás aponta ainda alguns caminhos possíveis para que as nações latino-americanas possam melhorar suas perspectivas de crescimento econômico e desenvolvimento político estável.

Perguntas e respostas

Pergunte ao vendedor

Não fizeram nenhuma pergunta ainda.

Faça a primeira!