official-store-logo
Novo

Baile De Máscaras

27 reais con 60 centavos

em 5x 6 reais con 07 centavos

Envio para todo o país

Saiba os prazos de entrega e as formas de envio.

Disponível 1 dia após sua compra

Informações da loja

Rocco
Rocco

Loja oficial no Mercado Livre

    Devolução grátis

    Você tem 30 dias a partir do recebimento do produto para devolvê-lo, não importa o motivo!

    Garantia

    Compra Garantida com o Mercado Pago

    Receba o produto que está esperando ou devolvemos o seu dinheiro

    Garantia da loja

    Garantia de fábrica: 3 meses

    Meios de pagamento

    Boleto parcelado em até 12x

    Cartões de crédito

    Pague em até 5x!

    Cartões de débito

    Pix

    Boleto bancário

    Características principais

    Título do livroBaile de Máscaras
    AutorROSISKA DARCY DE OLIVEIRA
    IdiomaPortuguês
    EditoraEDITORA ROCCO
    FormatoPapel
    MarcaEDITORA ROCCO

    Outras características

    • Cobertura: Mole

    • Tipo de narração: Manual

    • ISBN: 9788532528797

    • Páginas: 256

    Descrição

    Primeiro livro da jornalista e escritora Rosiska Darcy de Oliveira desde sua eleição para a Academia Brasileira de Letras, Baile de máscaras reúne artigos, crônicas e ensaios em que a autora, com seu olhar afiado, põe em discussão os novos desafios da sociedade contemporânea, mantendo sempre suas posições diante da liberdade, dos direitos humanos e da valorização do feminino. Seja a partir de um comentário ouvido numa conversa entre amigos, de um questionamento íntimo ou de um fato político de grande repercussão, a autora extrai de cada situação uma reflexão capaz de provocar o leitor sobre questões fundamentais. A crônica que dá título ao livro fala da sensibilidade de Clarice Lispector em retratar a alma humana e da forma como a escritora aparece nas personagens criadas e nos temas tratados em seus textos. E, da mesma forma como ela afirma que Clarice não gostava de rotular o que escrevia em gêneros, os textos de Rosiska também são de difícil definição. Crônicas, fragmentos, contos, pensamentos, uma espécie de diário – todas essas classificações caberiam para os escritos de Baile de máscaras, mas, ao mesmo tempo, nenhuma define perfeitamente os textos do livro. Assim, de forma fluida, a autora vai desfiando seus pensamentos sobre a velhice, os muitos suvenires que trazemos das viagens, descreve um fim de tarde na Praia do Diabo, no Rio de Janeiro, e fala sobre as noites insones que herdou da mãe. Com a mesma escrita fácil e envolvente, conta a história de um solteirão convicto que se rende aos encantos do casamento e discute a questão feminina e a falência do modelo educacional brasileiro. Essa vida acelerada, com seus encontros fugazes, as redes sociais e as inúmeras senhas que nos fazem trocar nossos nomes por uma combinação de números, também não escapa ao olhar de Rosiska. “A parafernália tecnológica, celulares e computadores, o milagroso Google em particular, nos habituaram a receber respostas imediatas a toda e qualquer pergunta. Uma falha de conexão é vivida como uma frustração intolerável”, afirma, em “Paradoxo tragicômico”. Temas atuais, como a atuação dos Black Blocs nas manifestações e a forma como os jovens se organizam nos protestos cariocas, também são analisados de forma precisa. “Quem foi jovem em 68, com saudades de si mesmo, busca similitudes entre os manifestantes de hoje e aqueles de quase meio século atrás. Em vão. (...) Os jovens de hoje nada têm a ver com aqueles, afora a indignação”, desfia em “Os jovens”. Entre cenas corriqueiras e reflexões profundas, Rosiska prende o leitor em suas narrativas. Como diz Ignácio de Loyola Brandão no prefácio de Baile de máscaras: “Poucas vezes mergulhei num turbilhão como este livro.”  


    Perguntas e respostas

    Qual informação você precisa?

    Não fizeram nenhuma pergunta ainda. Faça a primeira!