official-store-logo
24 reales con 50 centavos

em 12x 2 reales con 50 centavos

Anúncio pausado

Informações da loja

Rocco
Rocco

Loja oficial no Mercado Livre

Características principais

Título do livroA menina de véu
AutorNATÁLIA NAMI
IdiomaPortuguês
Editora do livroEDITORA ROCCO
Capa do livroMole
Ano de publicação2014
MarcaEditora Rocco

Outras características

  • Quantidade de páginas: 160

  • Altura: 210 mm

  • Largura: 140 mm

  • Peso: 187 g

  • Tipo de narração: Manual

  • ISBN: 9788532528711

Descrição

Segundo romance da escritora fluminense Natália Nami, A menina de véu conta a história de Lígia, mulher de classe média que sempre se viu atendendo às expectativas da família: ser esposa e me.  Na narrativa criada pela autora, Lígia se apaixonou por um homem que no correspondia aos anseios da sua família, um militar de origem árabe pouco afeito à vida sofisticada e arrogante dos salões cheios de vaidade. Enfrentou a todos, mas foi vencida pela no retribuiço do amor: no altar, ele simplesmente no foi ao seu encontro.  Era o Noivo, cujo nome no mais lembrou ao longo dos anos. Com “evidente domínio da arte literária”, como destaca o professor e escritor Godofredo de Oliveira Neto na orelha do livro, Natália Nami vai tecendo uma delicada e misteriosa trama a partir das memórias de Lígia, uma mulher marcada pelo no afeto.  Abandonada grávida no altar, seus relacionamentos posteriores foram sempre correspondidos pelo desamor. Indelevelmente marcada pela solido, a protagonista recalca o sonho no realizado da maternidade e de ser amada. Já Amir é um próspero homem de negócios para quem as mulheres eram apenas passatempo. Amir nunca sentiu afeto verdadeiro por elas e, portanto, nenhum tormento por tê-las usado e abandonado, incluindo aí sua única filha, rejeitada desde o nascimento. Um dia, porém, em um restaurante, acompanhado da mulher mais nova, grávida de mais um filho seu, ele tem o vislumbre de um passado que preferira esquecer: uma mulher de meia-idade aguardava alguém enquanto bebia uma taça de vinho. A mulher que ele abandonara quando jovem?  Surpreso pelo sentimento de culpa – o que talvez lhe indicasse que, por ela, tenha realmente sentido algo – Amir sabe o que fazer, mas no sabe como: pedir-lhe perdo pelo mal que lhe causara. Quando sua única filha, Teresa, foi tocada pelo véu da morte, o xale de Lígia protegia o seu corpo do frio.  O xale que se prenunciava como véu negro, como uma mortalha. O véu do abandono no altar, da ausência do Noivo querido. O véu da morte de sua filha e dos relacionamentos mal-sucedidos de Lígia. A partir desta imagem poderosa, A menina de véu é um mergulho na psicologia dos sentimentos, sentimentos recalcados e os sentidos com toda intensidade, da perda e da ausência do afeto a que todo ser humano aspira: o amor.